estudar para vencer

Sobre o Grupo de Pesquisa

O Grupo de Estudo e Pesquisa de Educação em Ciências em Espaços Não Formais -GEPECENF, esta vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Educação e Ensino de Ciências na Amazônia da Universidade do Estado do Amazonas-UEA, situado na Escola Normal Superior, Manaus-AM. Propõe-se a estudar e investigar temáticas em Educação e Ensin de Ciências no contexto amazônico com delimitação para as possibilidades do uso de Espaços não Formais; refletindo sobre o uso destes espaços e estudando suas relações com os ambientes educativos formais, por meio das discussões metodológicas educacionais numa realidade complexa da formação crítica do ser humano num contexto global, e problematizando essas temáticas por meio de produção de conhecimentos e materiais vinculadas as mesmas. Os Espaços não Formais são fontes de diversidade de conteúdos para a Educação em Ciências nas formas da Educação Formal, Informal e Não Formal, desta forma é importante conhecer estes espaços e estudar as possibilidades didáticas da integração destas formas de Educação. A região amazônica onde o grupo desenvolve suas atividades possui uma grande diversidade de ambientes para o Ensino de Ciências Naturais (Biologia, Química, Física, Geologia, entre outras ciências). Estes espaços fora da sala de aula conhecidos como Espaços Não Formais ocorrem em ambientes urbanos e rurais, como capital e no interior do Estado, e são foco permanente de estudo para os integrantes do grupo.

Líder do Grupo: Dr. Augusto Fachín Terán (fachinteran@yahoo.com.br)

 

LINHAS DE PESQUISA

Educação em Ciências em Espaços não Formais

Propõe-se a estudar e investigar temáticas no Ensino de Ciências no contexto amazônico com delimitação para as possibilidades do uso de Espaços não Formais; refletindo sobre o uso destes espaços e estudando suas relações com os ambientes educativos formais, por meio de discussões metodológicas educacionais numa realidade complexa da formação crítica do ser humano num contexto global.

Educação em Ciências e Divulgação Cientifica

Analisa os impactos da divulgação do conhecimento científico construído a partir dos espaços não formais, na condição de foco investigativo, dentre eles a mídia, os museus, as mostras de ciência e tecnologia, etc.

Educação em Saúde, Meio Ambiente e Ciências

Objetiva desenvolver pesquisas a partir de processos educacionais sobre educação para o meio ambiente, saúde e ciências, tomando como referencial, tanto o proposto em currículos, programas e projetos educacionais, quanto aos resultados decorrentes de suas aplicações, considerando como referências norteadoras as temáticas contemporâneas das ciências para efeito de proposição e adoção de medidas transformadoras do ensino.

Ensino de Ciências, suas Metodologias e Tecnologias

Esta linha objetiva o desenvolvimento de pesquisas sobre alternativas metodológicas e Tecnológicas, para a melhoria dos processos educacionais em Educação e Ensino de Ciências  em espaços educativos amazônicos.

 

COMO PARTICIPAR

Frequentando as reuniões mensais onde são apresentados:

-        As produções cientificas dos integrantes do grupo,

-        Estudo de temas sobre Educação e Ensino de Ciências;

-        Prévias de Exames de Qualificação e Dissertações;

-        Palestras

 

QUEM PODE PARTICIPAR

-        Alunos de Graduação, Pós-Graduação e Professores do Ensino Básico.

 

LIVROS PRODUZIDOS

O grupo já produziu 12 obras:  O uso de espaços não formais como estratégia para o ensino de ciências (2010); Elementos da Floresta: recursos didáticos para o ensino de ciências na área rural amazônica (2010); Novas perspectivas de ensino de ciências em espaços não formais Amazônicos (2013); Ensino de Ciências em Espaços Não Formais (2014); Ensino de ciências em espaços educativos: conservação dos recursos hídricos. (2013); Guia de Visitas a Espaços Não Formais Amazônicos (2014); O Potencial Pedagógico dos Espaços Não Formais da Cidade de Manaus (2014); O processo de aprendizagem das crianças por meio da música e elementos sonoros em espaços educativos (2015); Alfabetização ecológica em espaços educativos utilizando o tema da água (2015); Educação Científica Utilizando o Tema dos Quelônios Amazônicos (2015); Os espaços educativos e a alfabetização científica no ensino fundamental (2015); Temas sobre ensino de ciências em espaços não formais: avanços e perspectivas (2016).

 

 

ORIENTAÇÃO DE PROJETOS DE DISSERTAÇÃO EM ANDAMENTO

 

LINDALVA SÂMELA jACAÚNA DE OLIVEIRA. Mestranda: Formação de conceitos científicos utilizando o tema da reprodução dos quelônios em espaços educativos.

Início: 2018. Mestranda UEA – orientador: Augusto Fachín Terán.

FABRÍCIA SOUZA DA SILVA. Mestranda: Sensibilização ambiental na educação infantil usando o “peixe-boi” e os quelônios amazônicos.

Início: 2018. Mestranda UEA – orientador: Augusto Fachín Terán.

ANA PAULA MELO FONSECA. Mestranda: Articulando saberes no ensino de ciências usando o tema dos quelônios amazônicos em escolas ribeirinhas no Município de Parintins-AM. Início: 2017. Mestranda UEA – orientador: Augusto Fachín Terán.

GELCIMARA DE LIMA NOBRE. Mestranda: A percepção ambiental em duas turmas do sétimo ano do ensino fundamental usando os quelônios amazônicos. Início: 2017. Mestranda EA – orientador: Augusto Fachín Terán.

 

PROJETO DE PESQUISA EM ANDAMENTO

EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS EM ESPAÇOS NÃO FORMAIS: abordagens científica e educacionais, utilizadas na práxis educativa. Inicio 2016. Dr. Augusto Fachín Terán.

 

Enderço do Grupo no Diretorio do CNPq: https://www.dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/4257306509267611

 

Publicações sobre Ensino de Ciências

PEDAGOGIA DE PROJETOS

  2011_A pedagogia de Projetos na pratica do professor de ciencias.pdf (849,9 kB) A pedagogia de projetos na prática do professor de ciências: realidade e perspectivas. Pedagogy of projects in science teachers’ praxis: reality and perspectives Eunice Carvalho Gomes; Augusto Fachín...

SCIENCE TEACHING - CHELONIA

2016 O PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DO MUSEU DE QUELÔNIOS, COMO UMA ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA PARA A MELHORIA DO ENSINO DE CIÊNCIAS EM UMA ESCOLA RURAL The process of construction of the turtles museum as a pedagogical strategy to improve the Science teaching in a rural school Ana Paula Melo Fonseca; David...

TRANSPOSIÇÃO DIDÁTICA

2014_A TRANSPOSIÇÃO DIDÁTICA EM QUESTÃO: DIÁLOGOS NO ENSINO DE CIÊNCIAS EM UMA ESCOLA DE MANAUS/AM A TRANSPOSIÇÃO DIDÁTICA EM QUESTÃO: DIÁLOGOS NO ENSINO DE CIÊNCIAS EM UMA ESCOLA DE MANAUS/AM Orleylson Cunha Gomes; Salatiel da Rocha Gomes; Augusto Fachín Terán   2014_A TRANSPOSIÇÃO DIDÁTICA:...

Pesquisar no site

Contato

Ensino de ciências

Novidades

14/10/2018 16:47

TRABALHOS APRESENTADOS NO VIII SECAM

A continuação apresentamos a lista dos trabalhos apresentados no VIII SECAM, realizado de 3 a 5 de outubro de 2018 em Manaus, AM, organizado pelo Programa de Pós-Graduação em Educação e Ensino de Ciências na Amazônia.   ARTIGOS ACEITOS   CORREDOR ECOLÓGICO DO MINDU COMO ESPAÇO PARA SE...
17/09/2018 13:56

8ª REUNIÃO MENSAL DO GEPECENF

O Grupo de Pesquisa em Ensino de Ciências e Espaços Não Formais realizou no dia 13 de setembro de 2018, sua 8ª Reunião mensal. O encontro coordenado pelas mestrandas Lindalva Sâmela e Fabrícia Silva, teve como pauta principal a palestra ministrada pela professora mestra Renata Gomes da Cunha...
04/09/2018 02:06

PROJETO OCAS – PARTICIPAÇÃO EM OFICINA SOBRE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

No dia 31 de agosto de 2018, os membros do GEPECENF participaram de uma oficina com o tema dos quelônios amazônicos, na Escola Municipal Professora Rosina Araújo Moura, localizada na zona norte de Manaus. A oficina ocorreu em parceria com o projeto Ocas do Conhecimento Ambiental, gerenciada pela...
19/08/2018 04:56

GEPECENF segue pleno em suas atividades em 2018

O GEPECENF, continua em suas atividades em prol do Ensino de Ciências na Amazônia. Em resumo, no mês de março deste ano, a bióloga Priscila Eduarda Dessimoni Morhy, apresentou no 8º Fórum Mundial da Água, realizado em Brasília, o projeto “O SENTIMENTO DE PERTENÇA NAS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL...